Como criar os filhos

Dia desses estava ouvindo um programa e uma renomada psicóloga disse a seguinte frase: “pais de adolescentes tem que ter 4 olhos e bem abertos, porque eles inventam de tudo.” Claro que chamou a minha atenção, afinal tenho 3 adolescentes em casa. Ela tem razão, mas antes de enlouquecermos, vamos ver o que dizem os especialistas para que possamos chegar a esta fase da vida de nossos filhos com mais tranquilidade, ou pelo menos com a certeza de ter feito o melhor possível.
 
 
bebes-intelectuais
 

A fase mais importante

 
Como já vimos em Fases da Vida – Durante o primeiro ano de vida, o ser humano aprende 50% de tudo que virá a aprender na vida e, no segundo ano, aprende mais 25%. Ou seja, nos dois primeiros anos de vida, o ser humano aprende 75% de tudo que um dia virá a aprender. Obviamente, parte desse aprendizado envolve aspectos motores e físicos como sentar, andar, mastigar, falar, etc., mas também aspectos de ordem emocional, intelectual e espiritual. Assim, ao terceiro ano de vida, grande parte do caráter já está formado e aos sete anos está concluído. Isto posto, o que devemos fazer a partir daí? Como minimizar os problemas da adolescência? Afinal é na infância que aprendemos a ser adultos e na adolescência começamos a colocar este aprendizado em prática.
 
 
criancas-bem-formadas
 

Crianças bem formadas

 
Aqui não falamos da educação formal, que é responsabilidade da escola, mas sim da formação do caráter e da personalidade. É a parte que cabe aos pais e aos cuidadores.
 
 
crianças-bem-formadas
 

1. Responsabilidade

Dar responsabilidades para as crianças desde cedo é essencial. Faz parte da educação de valores e de disciplina para a vida. Os cuidados com a casa devem ser responsabilidade de todos da família, mesmo quando essa família conta com a ajuda de uma empregada doméstica. Desde bem pequenas, as crianças devem aprender a cuidar de si mesmas e de suas coisas. Depois de brincar, os pais devem orientar os filhos a guardar e organizar seus brinquedos. No começo, devem fazer isso junto com eles e, depois, deixar que façam sozinhos. As responsabilidades das crianças não se resumem apenas às coisas que dizem respeito a elas mesmas, mas também aquilo que é de todos, que é coletivo.

  • Até os 3 anos, você pode ensinar seus filhos a cuidar de seus brinquedos, ajudando-os a guardar e organizar.
  • criancas-guardando-brinquedos

  • Dos 3 aos 4 anos, ainda em forma de brincadeira, já dá para começar a ensinar a vestir as próprias roupas, cuidar dos brinquedos e ajudar os adultos na cozinha a pegar objetos que não ofereçam perigo. É importante que o adulto sempre esteja por perto.
  • Por volta dos 4 anos, a criança já pode fazer algo sozinha, como trocar a água do cachorro ou recolher o lixo, o importante é criar uma rotina.
  • Dos 5 aos 6 anos, seu filho já pode arrumar o próprio quarto e brinquedos, passar pano para tirar o pó, ajudar a por ou tirar a mesa e molhar as plantas.
  • criança-ajudando-em-casa

  • Entre os 7 e os 9, você pode ensiná-lo a atender o telefone e anotar recados, orientando-o sobre como falar com quem está do outro lado da linha. Nessa idade pode ainda ajudar a cuidar de irmãos mais novos.
  • Com 10 a 12 anos, a criança já pode aprender a lavar roupas e ajudar os adultos a cozinhar, sempre com supervisão e cuidados com a segurança.
  •  
     
    criança-mal-criada
     

    2. Regras

    O diálogo é fundamental tanto para os pais compreenderem porque a criança não realiza o que lhe é solicitado, como para a criança saber que sempre poderá ter um canal de conversa com os pais. Gritar ou usar qualquer outra forma de violência ou autoritarismo surtem o efeito contrário e podem tornar a criança revoltada, agressiva ou arredia à realização de tarefas. O ideal é que as regras sejam claras, e que sejam dados reforços positivos para as tarefas executadas e consequências caso as tarefas não sejam cumpridas. Mas tudo deve estar claro e combinado.
     
     
    pais-participando-da-vida-dos-filhos
     

    3. Participação

    Uma boa educação é baseada em um conhecimento profundo. Quanto mais tempo passamos com os filhos, mais aprendemos com eles e a respeito deles. Saber a personalidade, perfil emocional e características de seu filho ajuda a guiar o trabalho de educar em todas as situações. Uma criança precisa de pais que sejam uma boa companhia e divertida. Por essa razão, os cientistas destacam o papel fundamental das brincadeiras na vida entre pais e filhos desde a tenra infância. Brincadeiras agregam criatividade e saúde psicológica aos pequenos.
     
     
    crianças-livres-brincando
     

    4. Liberdade

    É primordial deixar os filhos saírem pouco a pouco das asas dos pais. Impedir que os filhos vivenciem determinadas situações não apenas atrasa a experiência das crianças, mas também origina problemas como ansiedade, individualismo e um fechamento natural a novas experiências. A liberdade para expor seus pensamentos também é fundamental, pais que sufocam completamente a argumentação das crianças durante uma discussão ajudam a criar adolescentes que não sabem lidar com situações de oposição. É necessário haver diálogo. Cobrança em exagero também não é saudável. A figura clássica de filhos reprimidos por não serem exatamente os melhores, em determinado assunto, é algo muito nocivo. Ninguém é perfeito e as crianças não podem sofrer em demasia por estarem aquém das expectativas. A melhora das habilidades do seu filho devem acontecer através de incentivo, não de pressão.
     
     

     

  • Leia como lidar com os adolescentes.
  • Filho não vem com manual, é viver e aprender.
  • Dedique-se ao máximo aos seus filhos, com certeza renderá bons frutos.
  • Faça o seu melhor e não se culpe.
  • Comentários

    Seja Exclusiva
    Receba nossas publicações em primeira mão, cadastre seu email no campo abaixo:

    FECHAR
    Web Design MymensinghPremium WordPress ThemesWeb Development

    E as férias estão chegando…

    festas-de-fim-de-anoNovembro passa tão rápido que quando dermos conta, já será Natal! Pensando em facilitar a vida neste período intenso e corrido, nós aqui na casa da Ana, publicaremos desde dicas para deixar a casa pronta para a grande ceia de Natal e Revellon até como ter as férias sonhadas. Estamos a praticamente 60 dias de 2016!!! Comecem a contagem regressiva...

    Melhor tomar um refresco…

    sombra-e-agua-frescaBem vinda Primavera!!! Mas fala sério, que calor foi esse? Uma amostra do verão em pleno início de primavera. Mas vale para nos prepararmos para o verão. Vem aqui, entre e veja as nossas dicas para o verão e também para a viagem tão esperada e sem gastar muito! verao-sol-e-mar

    Bem vindo na casa da Ana

    na-casa-da-ana-logoQue bom que você veio! Quando nos mudamos para uma casa nova, aos poucos, vamos dando a nossa cara aos ambientes e deixando a casa mais aconchegante e com o nosso jeito... Aqui não é diferente! Na casa da Ana completou 3 meses e já estamos com uma sala de visita nova. Estreamos o cantinho direito com a nova seção "Café com a Ana", assim poderei me sentir mais próxima de vocês e também receber algumas visitas. Adorei a sua companhia, venha sempre!!! Bjs Ana